Fase de grupos da Copa PUBG Masters é concluída; veja equipes finalistas

13/06/2020

Estão definidas as 16 finalistas da Copa PUBG Masters. Com a realização da terceira semana, terminou a fase de grupos da competição, que tem a participação das 24 principais equipes de PUBG da América Latina. A Copa PUBG Masters: Finais irá rolar de 19 a 21 de junho.

O campeonato, disputado pela internet, começou com a primeira rodada de 27 a 29 de maio. Depois, a segunda rodada aconteceu de 3 a 5 de junho.

Os confrontos decisivos, da terceira rodada, ocorreram nessas quarta (10), quinta (11) e sexta-feira (12). Houve seis quedas em cada dia, sendo duas envolvendo equipes componentes dos grupos A e B, duas de B e C e duas de A e C. Os mapas utilizados no campeonato foram Erangel, Miramar e Sanhok.

Equipes classificadas

Concluídos os 54 jogos, as cinco primeiras equipes colocadas de cada um dos três grupos e a melhor 6ª colocada se classificaram para a Copa PUBG Masters: Finais. 

Confira a classificação final em cada chave:

Classificação final dos grupos A, B e C da Copa PUBG Masters após a terceira semana

Premiação

Além das vagas para as finais, a fase de grupos distribuiu US$ 20 mil (correspondentes a cerca de R$ 100 mil) em prêmios para as 16 primeiras colocadas. Neste caso, a premiação considera a classificação geral, contabilizando os resultados obtidos pelas 24 participantes nos três grupos.

Confira a distribuição dos prêmios:

1ª - Meta Gaming - US$ 5.500 (R$ 27.500)
2ª - Bad Boys 3 - US$ 3.500 (R$ 17.500)
3ª - INTZ - US$ 2.000 (R$ 10.000)
4ª - RED Canids Kalunga - US$ 1.500 (R$ 7.500)
5ª - Just2Easy - US$ 1.200 (R$ 6.000)
6ª - FURIA Esports - US$ 1.000 (R$ 5.000)
7ª - Space Monkeys - US$ 700 (R$ 3.500)
8ª - Team Singularity - US$ 600 (R$ 3.000)
9ª - Old Times - US$ 500 (R$ 2.500)
10ª - B4DCALL - US$ 500 (R$ 2.500)
11ª - Cream Real Betis - US$ 500 (R$ 2.500)
12ª - Novos Tempos - US$ 500 (R$ 2.500)
13ª - Formula - US$ 500 (R$ 2.500)
14ª - As tartarugas ninja - US$ 500 (R$ 2.500)
15ª - Vertu Clan - US$ 500 (R$ 2.500)
16ª - Lockhead Esports - US$ 500 (R$ 2.500)

Classificação geral da Copa PUBG Masters após a terceira semana

Grupo A

No Grupo A, a latino-americana Bad Boys 3 continuou na liderança que conquistou já na primeira semana e manteve na segunda. 

Nesta terceira semana, a equipe marcou 106 pontos, chegando a 311, bem à frente da 2ª colocada, a brasileira Space Monkeys, que fez 236.

Jogador da Bad Boys 3, o argentino Facundo "Capitanbooblo" Solsona exalta a evolução que a equipe teve. "Melhoramos nossas performances ao longo do torneio. Apesar de sermos uma equipe criada há poucos meses, sempre há coisas a polir em cada partida".

Ele analisa que, na semana inicial, o time teve nível médio, mas suficiente para se distanciar do 2º colocado. Na segunda semana, a equipe alcançou o seu melhor nível, conforme o pro-player, mas perdendo pontos em algumas quedas. Na semana decisiva, a liderança deu a confiança necessária para a Bad Boys 3 "jogar bem e, em especial, à vontade".

Entre os melhores resultados obtidas pelos latino-americanos nesta semana estão as vitórias em duas quedas e duas 3ª colocações.

"A confiança que temos entre nós foi fundamental para escolhermos quem seria o caller da equipe. Nehibol e eu fomos companheiros em outras equipes e sabemos como jogamos. Loquix e Pand4e jogaram juntos por muito tempo na Team Singularity. Pudemos armar o time com esse 2-2 nas partidas. Depois, escolhemos o caller e decidimos que poderia ser eu", explicou Capitan sobre a organização do time.

Além da Bad Boys 3, as outras quatro classificadas para a Copa PUBG Masters: Finais são: Space Monkeys, Old Times (Brasil), B4DCALL (Brasil) e Army5 (Brasil).

Grupo B

A Meta Gaming, da América Latina, terminou o Grupo B na ponta, mesmo posto que ocupa desde a semana inicial.

O time, que mistura pro-players brasileiros, argentino e uruguaio, alcançou 322 pontos ao conquistar 131 somente nesta terceira semana. Foram duas vitórias e dois 2º lugares como melhores resultados nas 12 partidas disputadas.

No último dia de jogos, a equipe colecionou 45 abates - uma marca impressionante que ajudou a equipe a disparar para chegar à ponta da classificação geral.

"Nós sabíamos que tínhamos de pontuar bastante nesse último dia, então não focamos só na vitória, mas também em eliminações, nos aproveitando de bastantes lutas e chegando para dar o famoso third party", explica o brasileiro Pedro "sparkingg" Ribeiro, cyber-atleta da Meta.

Ele conta que a equipe decidiu ir para cima para tirar a liderança geral da Bad Boys 3. Nas três semanas de competição, a Meta fez entre 30 e 40 pontos por dia, mas o jogador observa que, no dia decisivo, o time precisaria ser mais ousado. "Partimos para cima e focamos apenas no 1º lugar, porque já estávamos classificados de qualquer maneira".

Sparkingg avalia que o bom desempenho da equipe, inclusive superando a Bad Boys 3, ao contrário do que aconteceu na PUBG Super Week, é resultado da dedicação coletiva e individual dos pro-players. "Neste campeonato fomos com sangue nos olhos. Treinamos todos os dias, jogamos todas as scrims e sempre víamos os replays, checando os erros. Creio que tudo isso colabora para o bom desempenho no torneio".

Pelo Grupo B, também avançaram para as finais: INTZ (Brasil), RED Canids Kalunga (Brasil), Just2Easy (América Latina) e FURIA Esports (Brasil). A Formula (América Latina), também do Grupo B, se classificou como a melhor 6ª colocada entre as três chaves.

Grupo C

No Grupo C, a latino-americana Team Singularity ficou com a ponta, conquistada com bons resultados nas primeira e segunda semana.

Na rodada decisiva, neste fim de semana, a equipe fez 45 pontos, o suficiente para se manter, com 219 pontos, à frente das brasileiras Cream Real Betis (204) e Novos Tempos (202). As tartarugas ninja (Brasil) e Lockhead Esports (América Latina) completam o top 5 de classificados para as finais.

"O time teve boas performances desde o começo, mas, lentamente, fomos emperrando e tivemos de lutar pelos pontos. Tivemos muitos erros que nos custaram as primeiras posições. Mesmo assim, estamos felizes em terminar na 1ª colocação do Grupo C e na 8ª na classificação geral", comenta o manager da Team Singularity, Manuel "Lampago" Castro.

Ele exalta o poder da line-up da equipe. "Mesmo que seja um elenco relativamente novo, eles são alguns dos melhores jogadores da América do Sul e estão deixando a química no ponto".

Lampago mira a Copa PUBG Masters: Finais para que o time mostre o máximo de seu potencial. "Estamos animados para as finais. Eu sinto que não pudemos mostrar nosso verdadeiro potencial e isto é precisamente o que nós vamos fazer".

Série de Acesso

Os oito times que não se classificaram para as finais terão de disputar a Copa PUBG Desafiante: Série de Acesso, em 11 e 12 de julho, contra os oito melhores colocados da Copa PUBG Desafiante.

Bad Boys 3

Copa PUBG Masters

Copa PUBG Masters Finais

Meta Gaming

PUBG

Team Singularity