Sparkingg tem maior número de abates da PUBG Super Week; veja estatísticas

Por • 20/05/2020

O brasileiro Pedro "Sparkingg" Ribeiro, da latino-americana Meta Gaming, teve o melhor desempenho individual da PUBG Super Week, competição online que abriu a nova temporada competitiva de 2020 na América Latina. Ele conseguiu 24 eliminações de adversários, o maior número entre os pro-players participantes das finais.

Sparkingg liderou a estatísticas de abates, seguido de perto pelo conterrâneo Pablo "pablex" Vidal, da equipe As tartarugas ninja, com 23 kills. O time dele terminou na 3ª colocação.

A Meta ficou com o vice, terminando o torneio com somente 1 ponto atrás da campeã Bad Boys 3, também da América Latina.

Jogador Sparkingg, da equipe Meta Gaming

Dois jogadores da equipe vencedora aparecem nas 3ª e 4ª posições do ranking de eliminações: o uruguaio Augusto "Pand4e" Crocco, com 20 abates, e o argentino Facundo "Capitanbooblo" Solsona, com 19. O brasileiro Felipe "KF9sk" Scigliano, da OldTimes, somou 18 kills e completou o top 5.

Ranking de eliminações por jogador nas finais da PUBG Super Week

Durante os três dias de finais da PUBG Super Week, de sexta-feira (15) a domingo (17), cada equipe disputou 12 quedas ao todo. Isso significa que Sparkingg teve uma média de dois abates por jogo.

O brasileiro da Meta Gaming também lidera o ranking de dano causado, com 5423.89. Na 2ª posição desta estatística está o argentino Iván "p0me" Lucco, da Team Singularity, com 4442.97. Em 3º lugar aparece Capitanbooblo, com 4160.94.

Estatísticas gerais de jogadores das finais da PUBG Super Week

Trajetória

Sparking começou a jogar PUBG ainda na fase beta, em 2017, com a chave de acesso obtida por meio de um streamer que acompanhava.

"Eu me interessei muito porque o PUBG trazia a dinâmica battle royale, mas de um jeito único, e isso me fez me apaixonar pelo game até hoje", exalta o pro-player.

Ele passou a participar de campeonatos já naquela temporada. "Sempre gostei de competir em tudo que faço e vi o PUBG como uma grande oportunidade para crescer nessa área".

Com 18 anos de idade, Sparkingg fez sua estreia em uma final de competição oficial na PUBG Super Week. E com excelente performance!

"Eu atribuo isso a muita dedicação e disciplina. Sempre levo uma frase comigo: seja melhor do que ontem. Eu acho que, mesmo ganhando um campeonato ou liderando as estatísticas, sempre tem uma maneira de melhorar ainda mais", comenta o jogador.

Jogador Sparkingg, da equipe Meta Gaming, segurando uma camisa da seleção brasileira de futebol em um aeroporto

Na Europa

Sparkingg conseguiu se destacar mesmo jogando com ping alto, porque mora em Portugal, na cidade de Aveiro. Ele, que tem cidadanias brasileira e portuguesa, se mudou de Cabo Frio (RJ), em abril do ano passado.

"Eu me alavanquei muito aqui. Comecei a jogar com os profissionais de Team Liquid, FaZe Clan", conta o cyber-atleta. "Todo dia jogo, no mínimo, de seis a oito horas. Quase todos os dias jogo as scrims com a minha equipe".

Antes de entrar para a Meta Gaming, a convite do treinador da equipe, o brasileiro Lucas "Nananga" Strada, Sparkingg passou por times como Dai Dai Gaming e American Falcons.

E o objetivo da carreira dele é claro e ambicioso: ser campeão de uma competição internacional.

Estatísticas

Meta Gaming

PUBG

PUBG Super Week

Sparkingg