Battleground Intelligence: Brasil

Cobertura

by PUBG Esports

Agressão, teu nome é Brasil. O maior país da América Latina está sendo representado por duas estrelas e um técnico da A Creche, equipe que tirou todo mundo da água na Eliminatória Regional da América Latina da PUBG Continental Series 6. Lucas “lfp1” Prado e Hailton “vhz” Junior, da A Creche, se juntam a Erick “Haven” Aguiar, da 22 Esports, e Pedro “sparkingg” Ribeiro, da YAHO, para completar a equipe do Brasil.

“Nascemos prontos”, disse sparkingg no Twitter após o anúncio inicial da escalação da equipe Brasil.

Este é um elenco completamente novo quando comparado ao da equipe brasileira na PUBG Nations Cup 2019. Aquela equipe ficou em 13º lugar, o que significa que o limite de melhoria não é alto para vhz e companhia.

A Creche conseguiu 93 abates durante a Eliminatória Regional. O estilo de jogo agressivo deu à equipe uma vantagem de quase 30 pontos sobre a equipe seguinte na tabela de classificação, a 22 Esports.

O desempenho de 83 abates da A Creche na Grande Final, no entanto, não foi suficiente para dar glória a esses brasileiros. A equipe acabou ficando em 13º, muito atrás da equipe de seu novo companheiro de seleção Haven, a 22 Esports, que obteve o 5º lugar.

A Creche pode ter tido problemas ao enfrentar equipes da América do Norte, masSparkingg pode adicionar alguma orientação nessa área. Ele ficou em 1º lugar na Eliminatória Regional da América do Norte ao lado de dois americanos e um canadense na YAHO. Eles obtiveram a 2ª colocação na Grande Final.

Sparkingg colecionou 33 abates, com 30% desses tiros acertando os oponentes na cabeça, durante a Grande Final da PCS6. Ele foi tão importante para sua equipe quanto Nolan “Shinboi” Burdick, que conquistou 43 eliminações. A produção de dano de Sparkingg, que chegou a quase 10.000 pontos de vida, certamente ajudou Shinboi a atingir esse número.

O Brasil enfrentará talentos de todo o mundo, por isso será fundamental que o Sparking dê a seus companheiros uma visão da mente dos jogadores de fora de sua região. Haven também pode ajudar nesse sentido.

Haven e o restante da 22 Esports surpreenderam a todos ao conquistar várias boas colocações durante as partidas de abertura da Grande Final da PCS6, com todos os jogadores de sua equipe ganhando cerca de 30 abates no geral. Essa aceleração inicial ajudou a 22 Esports a chegar em 5º lugar na conclusão da competição. Nada mal para um campeonato dominado por talentos norte-americanos.

As carreiras de sparkingg, lfp1 e vhz vão muito além de seu tempo na PCS6. Cada jogador compete em torneios regionais e internacionais há anos, abrindo caminho para representar o Brasil e este encontro dos grandes. Sparkingg, que se classificou bem durante a PCS4, a PCS5 e a PUBG Global Invitational, será fundamental no desempenho desses representantes latino-americanos.

Acompanhe todos esses quatro brasileiros e o resto da ação da PUBG Nations Cup 2022 quando a competição começar, em 16 de junho, em Bangkok, na Tailândia. Assista a todos os tiroteios se desenrolando no YouTube e no Twitch.

Compartilhar Isso